terça-feira, 14 de maio de 2013


Empresário contábil: aumente o faturamento com a prestação de serviços acessórios
Gilmar Duarte da Silva - 13.05.2013

Resumo: Aumentar o faturamento com lucratividade é a meta de todo empresário. Na busca pelo crescimento, muitos empresários contábeis valorizam a ampliação dos clientes e acabam esquecendo de ofertar novos serviços àqueles que já fazem parte da carteira.
Tags: assessório, honorário, serviços, contabilidade
Descrição:
A prestação dos serviços contábeis deve ser precedida do contrato. Assim também determina a resolução nº 987/2003 do Conselho Federal de Contabilidade (CFC).
Neste pacto todas as regras que regerão o relacionamento comercial devem ser claramente relatadas, e aqui quero destacar a importância da descrição detalhada dos serviços que compõe o honorário pré-estabelecido. A oferta de serviços a um prospect deve esclarecer aqueles que serão executados sem cobrança adicional. No momento da assinatura do contrato é fundamental incentivar o cliente a lê-lo integralmente, para que a relação seja transparente e incontestável.
Algumas empresas contábeis cobram acessoriamente serviços que já não podem mais ser assim designados, gerando objeções por parte do cliente, pois o honorário apresenta variações significativas de um mês para o outro. Fica a sugestão para incluir no honorário fixo o valor dos serviços para cumprir as obrigações da DCTF, DACON, IRPJ, RAIS e DFC.
Esta prática fará com que o cliente tenha doze parcelas anuais fixas e o deixará mais satisfeito. Calcule o valor para desempenhar estas obrigações, divida por doze e proponha ao cliente adicionar ao honorário. O mesmo procedimento poderá ser feito com a cobrança do 13º honorário.
Empresas do mundo inteiro desejam maximizar o faturamento e para isto buscam, além das mercadorias e serviços tradicionalmente ofertados, atender outras necessidades do cliente. Podemos citar, a título de exemplo, os postos de combustíveis que, além de vender o combustível, serviços de borracharia, troca de óleo e acessórios para os veículos, agora dispõem de loja de conveniência.
As farmácias aumentam expressivamente o faturamento com tantas mercadorias além do tradicional remédio. Os supermercados distribuem ao longo dos corredores, inclusive no caixa, uma infinidade de mercadorias que poderão atender mais necessidades do cliente.
As empresas prestadoras de serviços de contabilidade devem se preparar para oferecer outros serviços com objetivo de prover melhor o cliente e, naturalmente, maximizar o faturamento da empresa. Estes serviços são batizados de acessórios, pois não fazem parte do contrato. Ao final deste artigo apresento uma relação com alguns serviços que poderão incrementar o faturamento.
Certamente todas as empresas de contabilidade já executam os serviços acessórios, porém nem todas sabem como fazer para cobrá-los, especialmente devido ao medo de perder o cliente. Experimente calcular quanto tempo foi consumido num mês para realizar tarefas acessórias e que não estão sendo cobradas.
Quando o cliente solicitar um serviço acessório ou você ofertá-lo, sempre informe que contrato não o ampara, porém sua empresa contábil está preparada para prestá-lo, e o valor a ser cobrado. Naturalmente, o cliente sempre deseja pagar o menor valor possível. Quando vamos ao açougue comprar 5 quilos de alcatra, certamente pagaremos pelos 500 gramas de linguicinha posteriormente incluídos no pedido. Deveria ser diferente em uma empresa prestadora de serviços de contabilidade?
Segue relação com alguns serviços que toda empresa de contabilidade pode oferecer, maximizando o faturamento e a lucratividade, além de satisfazer o cliente:
                Projetos financeiros;
                Análise de viabilidade de um novo negócio;
                Constituição e alteração de sociedades;
                Emissão de certidões;
                Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (Decore);
                Recálculo de tributos;
                Retrabalho motivado pelo cliente;
                Parcelamento de tributos;
                Consultoria;
                Acompanhamento para homologação da rescisão do contrato de trabalho;
                Elaboração de contratos;
                Preparação de documentos para participação em licitações;
                Preenchimento de cadastros para instituições financeiras e fornecedores;
Acompanhamento e levantamento de informações para auditorias e consultorias de clientes;
                Acompanhamento de procedimentos de fiscalização;
                Cálculo do lucro imobiliário para recolhimento do imposto;
                Treinamentos e cursos para funcionários do cliente;
                Acompanhamento do cliente em reuniões com advogados, fiscais etc.;
                Cadastro Específico do INSS (CEI) para construção civil;
                Pedido de restituição de tributos pagos indevidamente;
                Atualização cadastral junto ao Serasa;
                Preenchimento de relatórios a pedido do IBGE (PAC, PAIC, PAS, PIA etc.).
Não basta prestar outros serviços que não integram o contrato, mas é necessário cobrar. Antes de executar informe que você poderá prestar o serviço e o valor.
Fonte: Normas LEGAIS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário